Busca  
  Sociedade   
Ciências Humanas e suas Tecnologias.  

Brasil, cinco séculos de trabalho
Quem já não ouviu dizer que o brasileiro é preguiçoso, pouco empenhado, não gosta do "batente"? Será verdade? Ou esse é um mito que pouco reflete a realidade dessa população que há cinco séculos vem tentando sobreviver aos trancos e barrancos?
País de origem colonial, o Brasil tem sua história marcada por quase quatro séculos de trabalho escravo, com uma população pouco instruída, com pequena tradição de organização. Mesmo assim, o país se tornou a oitava maior economia do mundo e a população vem resistindo com muita criatividade às sucessivas crises que atingem a economia e se adequado às profundas mudanças no mercado de trabalho.


Veja abaixo painel com um pouco da história das relações de trabalho no país, em diferentes matérias publicadas no Klickeducação:

Do escravismo ao movimento sindical
Uma visão panorâmica da evolução das relações de trabalho no país ao longo dos seus cinco séculos de história



As várias faces do trabalho no Brasil
Imagens que contam a história das relações de trabalho no país, da colônia à atualidade



O que foi escravismo no país
A opção dos colonizadores pelo trabalho escravo. A escravidão indígena e negra em suas diferentes formas e a indústria do tráfego negreiro.



A imigração e o trabalho livre
As correntes migratórias, o surgimento de novas relações de trabalho no país e a diversificação da sociedade brasileira



O Brasil dos imigrantes
As ondas migratórias e as contribuições que os diferentes povos trouxeram para a sociedade brasileira



Sindicalismo e populismo
A politização do mundo do trabalho, as primeiras formas de organização e o surgimento o movimento de massas trabalhistas



Trabalho em tempos de globalização
As empresas brasileiras tiveram de se modernizar para enfrentar a concorrência. O mercado de trabalho encolheu e ficou muito mais sofisticado.


 
 
Texto